Metal na Netflix: Novo filme traz Metallica e Pantera na trilha sonora



Não é incomum o Heavy Metal surgir em trilhas sonoras de filmes e séries.

São vários os exemplos que poderiam ser citados, e na maioria das vezes as músicas se encaixam perfeitamente nas cenas, como é o caso do novo filme da Netflix, “Operação Fronteira” ("Triple Frontier" na versão original).

O filme é estrelado por Ben Affleck, Oscar Isaac, Charlie Hunnam, Garrett Hedlund e Pedro Pascal, todos ex-militares que tentam a ganhar a vida como pessoas comuns, mas com um grande currículo militar nas costas. O enredo é basicamente o seguinte: surge uma oportunidade milionária para que os ex-soldados das Forças Especiais dos Estados Unidos se reúnam para executar um plano arriscado: roubar um poderoso senhor do crime na fronteira que separa o Brasil da Argentina e do Paraguai (a "tríplice fronteira"). No entanto, quando o esquema dá errado, os antigos companheiros de batalha se verão forçados a embarcar em uma épica luta por suas vidas.
Logo no início do filme "For Whom the Bell Tolls" irrompe majestosa, e em entrevista para o site GQ Middleeast, o diretor J. C. Chandor declarou que a música era perfeita, não apenas pelo que ele estava tentando transmitir quando o filme se abre, mas também pela história que a inspirou. Com base no romance de mesmo nome de Ernest Hemingway, esta é uma ode aos guerreiros e a desonra da guerra moderna.

Com base nas experiências de Hemingway na Guerra Civil Espanhola, a cena específica apresenta cinco soldados, muito parecido com os cinco líderes masculinos no filme.

"Eu não sabia se conseguiríamos os direitos", admite Chandor. “Essa não é apenas uma música muito importante para eles - eu acho que eles nunca a licenciaram para um filme antes - mas eles também têm uma conexão muito próxima nos EUA com os militares. Por sorte, eles assistiram ao filme, adoraram e está tudos bem, mas não é onde ele termina."


"Neste ponto, eu contratei a Rich Ireland para fazer a trilha, e eles escreveram toda essa boa música - incluindo alguns solos de bateria incríveis. Mas todos eles foram produzidos em uma bateria eletrônica. Então, em uma de minhas conversas com Lars - e esta é uma boa lição de vida aqui, sempre faço a pergunta - Eu apenas disse: "Ei, Lars, você teria alguns dias para tocar bateria quando nós gravarmos a trilha sonora verdadeira para o filme?" E, você sabe, ele disse que sim."

“Lars Ulrich tocou bateria no meu filme e foi legal!”, disse o diretor.



O filme ainda conta com "Walk" do Pantera, durante uma cena de luta livre, além de músicas de Bob Dylan, Fleetwood Mac e Creedence Clearwater Revival.

Assista "For Whom the Bell Tolls" ao vivo:

 

 

Sempre acesse www.clubrock.com.br e de uma força para o RoCk 

Equipe CLub RoCk
(11) 2495 9364
(11) 9 7962 7803
clubrock@clubrock.com.br